Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Devaneio


O que será tu reviras,
por que teu olhar passeia?
São pérolas e safiras
ou simplesmente uma teia?

Ó face de olhar sereno,
o meu olhar te procura.
Tu és meu doce veneno
e minha sóbria loucura.

Porém, se tudo é mentira,
meu sonho se parte ao meio.
Minha alma sempre delira
no mar do meu devaneio.

Ó sonho que se esvaece
no vento que vem do Sul,
eu ponho, na minha prece,
meus olhos no céu azul!

 

 Anterior | Próximo ►
Francisco Marques Poeta
Enviado por Francisco Marques Poeta em 30/07/2019
Reeditado em 18/09/2019
Código do texto: T6707832
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Francisco Marques Poeta
Pirapozinho - São Paulo - Brasil
197 textos (4548 leituras)
1 áudios (76 audições)
1 e-livros (47 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/20 22:08)
Francisco Marques Poeta

Site do Escritor