Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PREFIRO A POESIA DOS LOUCOS



Não quero a poesia dos sãos.
Nem a dos santos. Nem a das santas
senhorinhas de plantão.
Menos ainda a dos fardões.
E dos bundões amedalhados.
Desconjuro o falar de rotos nobres.
Prefiro a poesia dos loucos.
Doidos varridos, aspirados,
lavados com cloro puro.
Aquela poesia que dizendo
nada com nada, diz tudo.
Que morde e não assopra.
Que tange, fere e extasia.
Que veste camisa de força...
mas é a própria liberdade.
Pois eis que a vida é muito louca.
E poeta que se preze não negocia
nem lógica, nem alegria, nem lucidez...
EDSON PAULUCCI
Enviado por EDSON PAULUCCI em 19/08/2019
Código do texto: T6724391
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
EDSON PAULUCCI
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil
2444 textos (64546 leituras)
1 e-livros (105 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/09/19 03:53)
EDSON PAULUCCI