Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Morto

Entrego-me a ti nessa noite pálida
Sucumbo à vida sem nenhum pudor
Imerso em seus ares, às cinzas vivas
Um cárcere seguro, mas cheio de dor.

A revoada dispersa em tua direção
O gole mortífero e o sangue amargo
A vista solitária da esquecida janela
Um percurso longo e o último trago.

Cânforas, incenso, lírios, enxofre
Abismos internos como furacões
Risos contínuos no andar de baixo
Verdades, mentiras, caos, ilusões.

Pulsos cortados, pescoços, crânios
A interação melancólica e sentida
Vias complexas cujo fim se espera
A página amarela por eles não lida.
Alexsandro Menegueli Ferreira
Enviado por Alexsandro Menegueli Ferreira em 14/08/2019
Código do texto: T6720174
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alexsandro Menegueli Ferreira
Guarapari - Espírito Santo - Brasil
198 textos (6585 leituras)
6 áudios (161 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/09/19 21:24)
Alexsandro Menegueli Ferreira