Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pague suas contas nesta vida


Deixe-me lhe contar uma história agora,
ela é baseada em fatos reais.
Quando a paz e o amor estão quebrados
o ódio e a raiva podem ser algo bom.

As pessoas falam que vingaça é um pruto que se come frio,
mas para mim tem sido maravilhoso.
Sem esperança você vai desejar morrer,
mas, sua morte não virá tão cedo.



Você vai sofrer muito, baby,
por tudo o que você me fez.
Você vai perder tudo que você ama
e todos que você ama também.

E olhe para mim agora,
pois, estou apenas começando.

Você vai sofrer muito, baby,
por tudo o que você me fez.
Você vai perder sua consciência, amor,
meu amor, e quando você encontrá-la,
sou eu que você vai encontrar.



Eu pude ver o seu futuro, baby.
Eu pude ver você pedindo a Deus para morrer.
As portas dos céus estão fechadas para você, doçura.
E todas as suas contas estão nesta vida.

Corra para o diabo, e advinhe quem você vai encontrar,
sim, você vai me encontrar.
Você deve pagar todas as suas contas nesta vida,
pois, nem o inferno é mal o suficiente para você.



Procure por sua consciência, você não vai encontrar.
Tente correr por aí, pois, fugir, será sua nova vida.
Rrrasssteje de volta para mim, implorando pelo meu amor, é isso o que vai lhe restar!
E advinhe o que você encontrar: O meu despreso!

Essa é sua sentença a pagar, baby.
E você não vai morrer, sabe porque?
Por você ter despresado o meu amor
tortura será preço que você vai pagar.

E a sua dor será o meu prazer.
Alexandre Cezar Fh
Enviado por Alexandre Cezar Fh em 29/06/2019
Código do texto: T6684493
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alexandre Cezar Fh
Curitiba - Paraná - Brasil
109 textos (826 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/10/19 17:08)
Alexandre Cezar Fh