Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A quem procuras?

No cair da tarde, alguém te apontou.
Daí então comecei a seguir-te.
Tu te voltas a mim e vê o que faço.
A quem tu procuras?
Não sei o que dizer...
Quero apenas te conhecer.
Mestre, onde moras?
Vinde e vede.
Fui, vi e provei.
Contigo me demorei.
E por ti me apaixonei.

O tempo passa.
O crepúsculo se aproxima.
Grão de trigo tem que morrer
E a terra inteira fecundar.
Os de longe querem ver-te.
Não sei o que fazer...
É chegada a tua hora.
Tu te retiras e te escondes.
Na escuridão da noite, poucos te enxergam
E quase ninguém vê o brilho da glória.

A noite vai adiantada.
A busca é precisa,
Ainda que mal intencionada.
Os filhos das trevas têm medo da luz,
Mesmo quando são atraídos a ela.
A quem procurais?
Agora se sabe o que se quer.
Procuramos a Jesus de Nazaré:
Verdade que nos apavora.

Se é a Deus que buscais,
Deixai de lado todo o mais.
Frei Michel da Cruz
Enviado por Frei Michel da Cruz em 16/04/2015
Código do texto: T5208799
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Frei Michel da Cruz
Paraíba do Sul - Rio de Janeiro - Brasil
252 textos (7645 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/19 15:08)
Frei Michel da Cruz

Site do Escritor