Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cristo Redentor (Postal)

Cristo de braços abertos,
Ao observar o balanço do mar,
Vacilou em não ver o sequestro em terra firme.

Cristo de braços abertos,
Ao observar os acontecimentos em terra firme,
Vacilou em não ver o adernamento do barco francês bateau-mouche; que na época foi considerado o nosso Titanic.

Cristo de braços abertos,
Ao observar o balanço do mar, o sequestro em terra firme e o adernamento da embarcação,
Vacilou em não ver o abate do helicóptero no morro.

     Cristo, filho primogênito de Deus que me pordõe, mas tu és dorminhoco!

Posso dormir e não ver nada, uma sentinela palerma  mas plantaram-me de olhos e braços abertos,  estrategicamente no ponto mais alto do Portal, postal deste Inferno Maravilhoso. Is beautiful. Wonderful hell!

Pela santa Honestidade, está perdoado!

P.S.: da série "de contradição e hipocrisia faz-se uma vida egoísta; e de vida em vida, constrói-se a sociedade do "cada um para si, Deus para todos"!
Mutável Gambiarreiro
Enviado por Mutável Gambiarreiro em 21/08/2019
Reeditado em 21/08/2019
Código do texto: T6725326
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mutável Gambiarreiro
Jegue é - Tovuz - Azerbaijão
2330 textos (54139 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/11/19 00:56)
Mutável Gambiarreiro