Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RECORDANDO-TE!

A cada amanhecer a saudade invade meu ser.
Ainda hoje, lembro quando te conheci.
Uma jovem senhora andando pelos corredores da UFPB.
Entre salas, entre aulas transmitindo o saber.

Quanta curiosidade me despertavas.
Para saber que disciplina lecionavas.
Até que o grande dia chegou.
Em um disciplina te encontrei.

Ali, selamos uma amizade eterna.
Até pseudônimo dado por ti ganhei.
Ah, linda senhora que maestria tinhas ao lecionar.
Quanto conhecimento tens.

E com que maestria te punhas a ensinar.
Aos poucos meu carinho foi se transformando.
Passei a amar-te como uma joia.
Ah, estimada mestre.

Como dói tua partida para o lar celestial.
Lembro de teu belo rosto.
De teu singelo sorriso.
Anseio teu abraço cheio de vida e tão afetuoso.

Hoje, a saudade bate em meu peito.
Lateja a todo momento.
Dói saber que para te ter perto.
A um túmulo tenho que visitar.
O mural da morte nos separa em planos espirituais.

Mas, em minha alma tu continuas a morar.
Ah, bela rosa quanta falta tu faz.
Entre meses e anos.
Passo a recordar-te.

Como a joia mais preciosa.
A flor mais estimada.
A mestre mais saudosa.
Que levarei na alma.

E terei prazer de sempre recordar.
Palavras são insuficientes para agradecer.
Todo conhecimento transmitido.
Todos os conselhos dados.

Ah! Estimada mestre.
A vida de certa forma perdeu o brilho.
Mas, sei que no lar celestial.
Tens a vida que é tua por direito.

Amo-te da maneira mais simples.
A sua ausência sentirei para sempre.
Te levarei na alma eternamente.
Até que um dia minha alma volte a te encontrar.
Glauciene Carvalho
Enviado por Glauciene Carvalho em 29/10/2019
Reeditado em 29/10/2019
Código do texto: T6781827
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Glauciene Carvalho
João Pessoa - Paraíba - Brasil
423 textos (7221 leituras)
1 e-livros (10 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/11/19 11:52)
Glauciene Carvalho