Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ar rotos é a Rota

            Em tempos de pandemia, Chicos xiitas,  Xicos vestindo roupas de chita, molhos de tomate avermelhados e pandemônios, vejamos o que a originalidade de alguns deles tem a nos ensinar.

Assim disse Chico Anísio

    Quando os prédios, as polícias, a política, a sociedade e as ondas que se formam em alto-mar não desmoronam, beijam o solo, tornam-se a capital do Ceará.

Minha Fortaleza é tão forte, que inspira a fraqueza do resto Brasil!

Assim dizem os Chicos populares:

Chico-te de couro trançado que açoita Chico, açoita Francisco.

Outro de populares:

           Acertadamente, a direta hormonalidade da ginecologista, Rita Lee Jhones disse que "mulher é bicho esquisito e todo mês sangra";  (verdade inconteste, enquanto a fonte da juventude e renovação não seque) mas aqui, na terra de todos os escribas, mensalmente o Chico desce a ladeira Geral, que também pode ser do Vigário, de todos Santos, de todo bom Pagador...

Assim disse o Chico Buarque:

       Prefiro um Lord socialista, usando chapéu torto, pito de palha no canto da boca e desfilando de Land Rover inglesa, a 100 capitalistas brasileiros, batedores de foices e enxadas.
               Ou também pode ser 10 socialistas engravatados, corruptos da alta cúpula, batedores de carteira do contribuinte.
    Mantendo as mesmas características, pode ser até trombadinhas capitalistas, batedores de carteira dos socialistas em praça pública. Ao que todos devem cantar: "olha o ladrão, aí na praça outra vez".

Já o Choco Xavier disse:

"Estão lendo, pesquisando, falando muito sobre a doutrina espírita; e praticando pouco".

Assim escreveu meu irmão, Chico Mutável:

       Nada de útil escrevi, portanto nada de útil alguém leu, mas o alerta foi dado em provérbios. O cotidiano de certos povos são enciclopédias abertas, escrita em forma de provérbios vistos, porém não lidos; ou se lidos, não praticados. Entraram por um olho e sairam por outro.

   Olhos, ouvidos, mãos, braços, rins, pernas...; salve Deus que deu ao homem alguns órgãos em duplicidade, exceto para o peixe pacu, amigo do Sussurracu; família distante do piraracu.
                 Também só tem um ânus, o pássaro comedor de berne e carrapatos, conhecido anu.
 
Cantemos em louvor a Gonzaguinha:

"É a vida, é a vida;
É bonita, é bonita.

Viver, e não ter vergonha de ser feliz,
Cantar e proverbiar,
A alegria de ser um eterno aprendiz...

Mais um, esse de Chico Delgado:

            Ar rotos em intestino grosso, passando pelo refino, é a rota de fuga de uma roda viva cheia de ratos; ou de uma barriga flatulenta, comumente, chamada de pandulho pachorrento peidoreiro.



Mutável Gambiarreiro
Enviado por Mutável Gambiarreiro em 31/07/2020
Reeditado em 01/08/2020
Código do texto: T7021865
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Mutável Gambiarreiro
Jegue é - Tovuz - Azerbaijão
2823 textos (64869 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/09/20 13:29)
Mutável Gambiarreiro