Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Masters 1000 Xangai

Xangai está localizada na costa central da China oriental, na foz do rio Yangtze, e tem 24 milhões de habitantes, e é a maior área metropolitana da República Popular da China e uma das maiores do mundo, além de ser uma cidade histórica e turística. Em 2005 o porto de Xangai tornou-se no maior porto de cargas do mundo. O município com o status de província é um importante centro industrial e comercial global.

Entre os dias 5 e 13 de outubro do ano que se finda, Xangai sediou o torneio ATP Masters 1000, o oitavo desde o ano de 2009.  O penúltimo Masters 1000 da temporada contou com a participação de 56 simplistas (principal), 28 simplistas (qualificatórios) e 24 duplas. Foram distribuídos US$ 9.299.270 em premiações e 1000 pontos no ranking para o vencedor.

Rafael Nadal número 2 do ranking, não participou; Novak Djokovic nº 1 foi eliminado nas quartas de final pelo grego Stefanos Tsitsipas por 2 sets a 1, parciais 6-3, 5-7 e 3-6; e Roger Federer, nº 3, também ficou nas quartas de final, perdeu para o alemão Alexander Zverev por 2 sets a 1, parciais 6-3, 6-7 e 6-3. Nas semifinais, Alexander Zverev passou pelo italiano Matteo Berrettini por 2 sets a 0, parciais 6-3 e 6-4; e o russo Daniil Medvedev venceu Stefanos Tsitisipas por 2 sets a 0, parciais 7-6 e 7-5.

Nas duplas masculinas os campeões foram o croata Mate Pavic e o brasileiro Bruno Soares, nº 14 do ranking que venceram o polaco Lukasz kubot e o brasileiro Marcelo Melo, nº 5, por 2 sets a 0, parciais 6-4 e 6-2. Marcelo Melo e Bruno Soares estão entre os melhores duplistas do mundo, e são a salvação do tênis brasileiro no momento. Haja vista que no simples masculino e feminino não temos bons representantes. Enfim, faltam investimentos para a construção de quadras e criação de torneios para a revelação de bons jogadores.
 
No simples masculino, Daniil Medvedev venceu o alemão Alexander Zverev por 2 sets a 0, parciais 6-4 e 6-1, e conquistou o seu 2º título de Masters 1000. Medvedev com apenas 23 anos é o tenista com o melhor desempenho em 2019, pois chegou em 6 finais e conquistou 4. Tem um bom saque, boa devolução e muita técnica, joga sem esforço e com tranquilidade. Já é o número 4 do ranking e nº 187 em duplas. Se continuar com esse fôlego logo será o número 1 do mundo. Djokovic, Nadal e Federer que se cuidem!

Goiânia, Goiás, 13 de outubro de 2019
Alonso Rodrigues Pimentel

Alonso Rodrigues Pimentel
Enviado por Alonso Rodrigues Pimentel em 14/10/2019
Código do texto: T6769510
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Alonso Rodrigues Pimentel
Goiânia - Goiás - Brasil, 59 anos
2972 textos (152084 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/01/20 06:31)
Alonso Rodrigues Pimentel