Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ACEITAÇÃO

A vida é mais difícil para os inconformados. Se você nasceu negro, não adianta adotar expedientes para branquear; se nasceu branco, os banhos de luz e o sol em excesso favorecem mais o câncer de pele do que o escurecimento da pele. Cada um no seu quadrado. Se você nasceu burro, a erudição e a experiência poderão compensar e, inclusive, melhorar o desenvolvimento das suas ideias, mas não exagere, pois será sempre limitado. Em compensação, nunca estará só, os companheiros são em grande número e, se tiver nascido com o dom da esperteza, poderá dominar o mundo. Se você for grosso, o passar do tempo poderá ajudar no refino, mas a genética é invariavelmente mais forte. Não se preocupe, a parceria é grande e figuras de grande importância fornecem exemplos quotidianos. As pessoas não podem melhorar, evoluir? Podem, sim, mas precisam iniciar pela aceitação. Humildade e autocrítica são distintivos raros, ainda que muito alardeados. É difícil vencer a barreira da vaidade e do individualismo cego. Quando uma mulher muito feia e chata acredita que é uma deusa, fica até desumano contestar. E quando aquele mau-caráter, ignorante e grosseiro torna-se relativamente bem sucedido na vida econômica, profissional ou política, contrariá-lo é briga certa. Quantas figuras históricas tiveram poder e sucesso com a mente desarranjada? Por outro lado, é necessário dizer que os inteligentes não têm, em si, qualquer mérito. Não foram poucos os que se acovardaram e sucumbiram miseravelmente na história. Prefiro um esforçado honesto a um inteligente servil, muito débil ou ganancioso. A conclusão a que chego é de que não importa tanto a sua qualidade ou condição natural, o seu dom ou sua eventual deficiência, mas o grau de autoconsciência, o esforço e a disposição de evoluir e integrar-se positivamente. Por isto, costumo evitar “medalhões” em qualquer disciplina ou atividade, assim como desconfio, em geral, de políticos, empresários, juristas e economistas da hora. Poucos me surpreendem. Para concluir, mulher bonita não é aquela “boa de espelho”, mas a que gosta de ti. O resto é fantasia.
José Pedro Mattos Conceição
Enviado por José Pedro Mattos Conceição em 26/04/2019
Código do texto: T6632613
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Pedro Mattos Conceição
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 72 anos
597 textos (15364 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/07/19 03:03)
José Pedro Mattos Conceição