Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ela está sozinha
Seu apartamento é pequeno
Acabou de perder o amor
 
E agora
 
Ainda precisa se isolar
 
Nos outros conjuntos de apartamentos
 
Dois com coronavírus
 
O síndico ligou ontem
Aumentou as restrições
 
A dispensa está ficando vazia
 
Ela tem medo de sair de casa
 
Tem enfisema pulmonar
 
Ela não sabe mexer no celular
 
Se arrepende de não ter
Aprendido o tal de ZAP
 
Ela olha na varanda
E chora
Como chora
 
A solidão é grande
 
Ninguém liga
 
O alimento é escasso
 
A única filha não liga
 
Está só
 
Liga a televisão
 
Muda os canais
 
Sem chance
 
Todos falam a mesma coisa
 
Na Itália
São 10 mil mortos
 
No Brasil
Chegou a mil
 
Ela ouve
Gritos
 
Na varanda um barulho se faz
 
Ela olha
 
São saques
 
No noticiário
Contam o desespero
Do povo
 
Famintos
E sem emprego
 
Ela vai dormir
 
Amanhã
Mais um dia
Desta quarentena eterna.
.
.
.
C
O
R
O
N
A
V
Í
R
U
S
.
.
.
 
 
 
Original ®️ Waldryano

Fiz uma pesquisa sobre o Coronavírus, quer ler? Click aqui
Waldryano
Enviado por Waldryano em 19/03/2020
Reeditado em 20/03/2020
Código do texto: T6892002
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Waldryano
Telêmaco Borba - Paraná - Brasil
362 textos (31109 leituras)
45 áudios (1589 audições)
5 e-livros (76 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/08/20 03:10)
Waldryano