Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Juízo Final

Todas as manhãs eram marcadas pela mesma cantilena de dona Clotilde, funcionária da casa paroquial. O padre já não aguentava mais. Abaixando um pouco o jornal, ele dizia: “Bom dia, dona Clotilde. Como foi de ontem pra hoje?” E ela sempre respondia: “O senhor viu jornal ontem? O mundo está acabando! Quando Jesus voltará? Essa terra não tem jeito!“ O padre sorria e ficava sem graça pela falta de esperança de sua paroquiana. Certa manhã, dona Clotilde chegou mais agitada do que nunca. Olhou para o padre e antes que ele pudesse desejar-lhe bom dia, saiu dizendo: “O senhor viu o que estão fazendo agora, no estrangeiro? Estão entrando nas igrejas e quebrando as imagens e prendendo os padres e matando os fiéis. Agora, não tem jeito: o mundo está acabando. O padre, que lia as últimas notícias no jornal, respirou fundo, olhou para a dona Clotilde e disparou secamente: “Os cristãos de agora, tais como os de outrora, devem crescer na prática dos três ‘f’: foco, fé e firmeza. Diante dessas notícias terríveis que ouvimos e vemos todos os dias mundo afora, não podemos perder o foco, retirar os olhos de Jesus. Ele deve ser a nossa meta. Outra coisa que não podemos deixar de ter é a fé. Pois, ela nos dá a coragem de seguirmos em frente, com esperança, acreditando que dias melhores virão. É a fé que nos garante a certeza do senhorio de Jesus sobre a História e que, no tempo certo, o Senhor há de intervir no mundo. Por fim, devemos ser firmes e não nos deixarmos abalar por qualquer coisa. O seguidor de Jesus Cristo deve estar pronto para as perseguições e dificuldades próprias da caminhada de fé, ainda que elas venham das pessoas que menos esperamos e que mais nos sejam caras. Portanto, dona Clotilde, mantenha o foco, a fé e a firmeza, pois, no tempo certo sem nenhum pânico, Deus haverá de vir em nosso socorro. Que a coragem e a tranquilidade, de quem sabe o que faz, possam marcar a nossa vida.“ E o padre fechou o jornal, terminou de tomar a sua xícara de café e saiu cantarolando o samba “Juízo Final” de Nelson Cavaquinho e Élsio Soares.
Frei Michel da Cruz
Enviado por Frei Michel da Cruz em 16/11/2019
Reeditado em 17/11/2019
Código do texto: T6795986
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Frei Michel da Cruz
Paraíba do Sul - Rio de Janeiro - Brasil
253 textos (7763 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/01/20 06:32)
Frei Michel da Cruz

Site do Escritor