Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Teoria Literária #061: COMO COMPOR UM ALFA-ODEALÉLIA

Alfa-Odealélia é um estilo criado pelo poetas Bosco Esmeraldo e Aíla Brito. Uma ferramenta que auxilia o poeta a criar, compor poesias, partindo do nada aparente, resultando em poesia como descrita nas regras mais abaixo.

Uma poesia gestada, traçada e baseada na pareidolia e apofenia, a partir da percepção psicológica nos poetas, do reconhecimento de imagens de rostos humanos ou animais em objetos, sombras, formações de luzes e qualquer outro estímulo visual aleatório, através da identificação de padrões e significados e, coisas aleatórias, vagas e sem qualquer sentido real. Uma tentativa de o poeta de encontrar um significado para aquilo que desconhece na base do chute ou quebra etimológica.

Da formatação ou padrão.
Estrofação: O mínimo de uma oitava em versos pares com cinco espaços antes destes. Se o poeta achar necessário, pode acrescentar tantas oitavas quantas forem necessárias para esgotar o tema abordado.
Este estilo pode também ser utilizado como ferramenta para o auxiliar a compor qualquer outro estilo clássicos e populares tais soneto, cordel, rondel etc.

Métrica: Utilizar-se de uma dessas métricas: tetra, penta, hexa, hepta, octo, enea, deca, dodecassilábico ou qualquer outro tipo de métrica. Se o poeta preferir, pode construir seu Alfa-Odealélia e informar: “Alfa-Odealélia assimétrico”., contudo deve manter a estrutura rímica padrão a seguir.

Estrutura rímica:
Padrão: ABBACDCD,
            ABABCDCD,
            ABABCDDC
            ABBACDDC
Atípico: Toda e qualquer forma de rimada à escolha do poeta ou, se preferir, arrímico, ou seja, sem rimas.

Demos tratos à bola!

*****************
Exemplo:

Papéis servidos, aleatoriamente jogados no lixo. Réstias de luz incidem no lixo sugerindo variadas formas de aparente insignificância. Daí o poeta abre seu poema citando aparentes palavras desconexas. Assim, obtém-se a primeira estrofe no formato que o poeta desejar.

RÉSTIAS “EN PASSANT”

Lixo, papéis, informes, difusos.
     Acanhada luz esparge raios tímidos…
Nada a ver, pareceres confusos.
     Versos poeticamente túmidos.
Formas informes, aqui e acolá…
     Um sem rosto, inseto ou passarinho
Ou um esbelto busto sem colar?
     Tudo o mais, “en passant” ao caminho.

Alfa-Odealélia #001:

Significado de Pareidolia
Pareidolia é um fenômeno psicológico comum em todos os seres humanos, conhecido por fazer as pessoas reconhecerem imagens de rostos humanos ou animais em objetos, sombras, formações de luzes e em qualquer outro  estímulo visual aleatório.
Outros significados que podem estar relacionados:
Significado de Apofenia
Apofenia é o nome dado para um fenômeno cognitivo, quando alguém consegue identificar padrões e significados em coisas aleatórias, vagas e sem nenhum sentido real. Em suma, a apofenia consiste na ação inconsciente de achar um significado ou chegar a uma conclusão que parte de informações incompletas ou coincidências. É uma tentativa do ser humano de achar um significado para aquilo que desconhece.
Alelos Esmeraldinus
Enviado por Alelos Esmeraldinus em 26/04/2016
Reeditado em 27/04/2016
Código do texto: T5617265
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Alelos Esmeraldinus
Gama - Distrito Federal - Brasil, 95 anos
3763 textos (171984 leituras)
206 áudios (13488 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/08/20 00:59)
Alelos Esmeraldinus