Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SONETO PELOS QUARENTA ANOS

A Jason Lúcio

Quem chega aos quarenta, cansado da luta.
Já não se contenta com qualquer disputa.
Pois a vida se esvai e passa voando:
É o tempo que vai aos poucos minguando.

Quem chega aos quarenta, já olha para trás.
Passado relembra, porém quer algo mais.
Quer boa lembrança, rever o que perdeu
Seguir a andança, conquistar apogeu.

Traz filhos no colo, um sonho de futuro.
Erguer sua história, deixar recordação.
Semente no solo, um homem maduro.

Depois dos quarenta já vem o declínio
Há muita memória e nem tanta ação
De Deus se alimenta e do seu fascínio.
Jess
Enviado por Jess em 04/01/2008
Reeditado em 04/01/2008
Código do texto: T802329
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jess
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
169 textos (17889 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/11/19 22:40)
Jess