Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lua Solitária

Quanto tempo inda nos resta para ouvir,
etéreas as melodias do passado...
São notas tristes que fazem-nos sentir,
saudades no poente amortalhado.

Ó alma, tu que ficastes a haurir,
o brilho d'uma estrela neste meu fado...
Vê, as horas indo lentas a partir,
arcanjos em nuvens aureolados.

Como quem já morreste para o mundo,
distante dos tristíssimos olhares,
me acompanhas o azul do céu profundo.

Sombra que vela meus passos p'la rua,
vós, que já ouvistes os meus pesares,
segue-me, sempre, solitária uma lua.
ThiagoMac
Enviado por ThiagoMac em 29/12/2019
Reeditado em 29/01/2020
Código do texto: T6829594
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
ThiagoMac
Itirapina - São Paulo - Brasil, 36 anos
409 textos (4829 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 15:34)
ThiagoMac