Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desejo Imortal

   Na doce espera dum desejo imortal
   Refulgente poesia, uma vida fluida
   Fino perfume traz energia floral
   Muda serenidade comovida...

   Excelsa sorte terei longamente
   Sob as sombras estivais, deslumbrada
   Sorvendo dessa paz que jaz sutilmente
   Nessa torrente de luz adornada.

   Aspiro esse dom de conduzir até mim
   O deleitamento, puro amor sem fim
   Num universo sedento de versos.

   Na convergência do rumor dum clarim
   O magnificente céu na cor carmim
   Prenunciando fulgores submersos.


   Grata, nobre poeta, Francisco Coimbra, pela
   brilhante interação, a qual muito me honra.

   IDADE(S) ou DIALÉTICA

   desconstruindo teus versos
   surgem os meus serenos
   construindo novos universos
   com os materiais terrenos

   onde flores dão seu aroma
   e pássaros passam a voar,
   mostrando beleza a Roma
   deixando a rima a soar?

   onde está esta maravilha
   desta beleza sem um Fim
   como é nosso mar e ilha?

   da ilha te mando saudades
   vão a voar pelo Não e Sim
   dialética patética: idades.


   Nobre poeta, Igor da Silva Chaves,
   grata e muito honrada, pela sua bela interação.

   Ao amor imortal
   que caminha no coração apaixonado
   e se esconde nos olhos em chamas
   deixo um recado formal
   em poemas disfarçadas
   deste que tanto te amas.
 
Verdana Verdannis
Enviado por Verdana Verdannis em 02/07/2019
Reeditado em 10/07/2019
Código do texto: T6686907
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Verdana Verdannis
Fortaleza - Ceará - Brasil
316 textos (24648 leituras)
42 áudios (2159 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/08/19 07:31)
Verdana Verdannis