Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CIGANO RIBAMAR






UM SONETO-ACRÓSTICO

Certos momentos dessa breve vida
Inundam o peito de satisfação
Garantem novo alento ao coração
Além do regozijo sem medida

Não que a homenagem seja merecida
Ou que eu sequer valha a grata menção
Resta tentar em meio à emoção
Imitar-te o gesto com a vênia devida

Bebo do saber e agora a ti me irmano
Antes não sabia sou também cigano
Mesmo que não nascido em raça pura

Admito só um importante passo
Rara ocasião em que cai no laço
da tal gitana que hoje inda me atura...






.




Stelo Queiroga
Enviado por Stelo Queiroga em 25/05/2019
Código do texto: T6656024
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Stelo Queiroga
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 60 anos
1125 textos (59649 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/08/20 11:01)
Stelo Queiroga