Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TÍMIDAS AUDÁCIAS

OXIMORANDO
Você conhece a figura de linguagem “OXÍMORO”?
Se não conhece, informe-se sobre ela.
Cada um dos versos deste poema é um oximoro,
Inclusive o título.

TÍMIDAS AUDÁCIAS
JB Xavier

Do fogo gelado que emana e ti
Me  grita o silêncio das almas perdidas
E vão minhas noites nos sóis refletidas
No claro negrume no qual te perdi!

Mentiras sinceras reabrem feridas
No doce silêncio eloquente, e bebi
O doce veneno que cura, e senti
A dor prazerosa destas nossas vidas.

No lúcido teatro de minha loucura
Busquei tuas verdades sempre mentirosas
E nelas gritei meus silêncios mais tristes

Depois o amargor dessa tua doçura
Me trouxe alegrias sempre desditosas
No suave tormento de que ainda existes.
JB Xavier
Enviado por JB Xavier em 31/03/2019
Código do texto: T6612320
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
JB Xavier
São Paulo - São Paulo - Brasil
1127 textos (192234 leituras)
51 áudios (19324 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/19 12:12)
JB Xavier

Site do Escritor