Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FIM DE UMA CANÇÃO SEM FIM

Aprendi que toda canção acaba tendo seu fim,
Não importa se foi ou não composta por mim...
Até mesmo canções que deveriam ser infinitas...
Porque eu disse palavras que nunca deveriam ser ditas.

Em cada acorde e em cada arpejo,
Eu não sei mais a quem eu vejo...
Só sei que uma grande tristeza me invade,
Tornando meu coração num poço profundo de saudade

Porque fui eu compor uma canção sem canto?
Para que no lugar de um solo só existisse meu pranto?
Não sei dizer... e ninguém sabe a resposta...

Talvez um dia na hora do adeus alguém me diga,
Porque apenas a solidão continua a ser minha amiga,
E porque a felicidade que busquei de mim não gosta...

Luamor



PS1; Queridos poetas amigos, estou ausente coisas a fazeres , devo visitas tanto aqui como nos emails, alguns respondi aqui mesmo, os que não respondi era que não precisava,

PS2; Aconteceu uma coisa que nunca esperei, mas vamos tomar as medidas cabiveis, mudei a pouco tempo pra serra da cantareira, e deu no noticiário, que foi fechado o parque "horto florestal" e "parque da Cantareira" porque morreram seis macacos picados pelo mosquito que transmite a febre a marela, o governo desponibilizou 1.000 e tralala de vacinas à todos os moradores que moram pela região que devem se vacinar, "quem dirá eu que moro no núcleo, e sou rodeada de mato. "  mas já estou indo tomar a vacina. Partilho com vocês, porque nunca imaginei que fosse passar por isso, morando aqui em São Paulo.

PS;3 Devo visitas e muitas mas ando com muita dor nas costas,

mas, assim que melhorar irei vê-los, pois gosto muito de acompanhar seu trabalhos poéticos.. Essa dor nas costas , penso será idade ?? bom faz parte. fiquem com meu carinho, Lua

Simply Red - For Your Babies (Live HD) Legendado

http://www.youtube.com/watch?v=sDTGiV7ZAvY


==============================================

O poeta

Venho de fundo das eras,
Quando o mundo mal nascia...
Sou tão antigo e tão novo
Como a luz de cada dia!

Mário Quintana
Luamor
Enviado por Luamor em 24/10/2017
Reeditado em 24/10/2017
Código do texto: T6152150
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Luamor
São Paulo - São Paulo - Brasil
1076 textos (83720 leituras)
17 áudios (923 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/08/20 10:02)
Luamor