Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Morte chique

Olhos todos içadas a reparar nos vivos,
o ganância inala seu fedor no ar,
a caatinga adentra nariz; faz aguniar,
o agir símil dos deuses primitivos.

Da mulher na calçada a desejar outra vida,
Do homem que queria o emprego do "amigo",
desejar de tudo, talvez, maior castigo,
nessa existência não tão sucedida.

pisar no seu irmão quem sabe por bens,
triste miséravel saber que nada tens
quem dirá criatura talvez contar com a sorte.

Ganhasse moto e carro, à reforma do lar,
lampejos de felicidade no banho de mar,
no esperar tão chique chegar da sua morte.
Alisson Zuckerman
Enviado por Alisson Zuckerman em 19/06/2017
Código do texto: T6031185
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alisson Zuckerman
Juazeiro do Norte - Ceará - Brasil, 21 anos
57 textos (729 leituras)
1 e-livros (21 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 17:54)
Alisson Zuckerman