Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


Tudo é perene...

 
Amor meu, o verde ao páramo regressa
tais quais os animais aos seus quartéis;
quais pássaros ao ninho— são fieis...
Porque tudo é perene, nada cessa...
 
Na primavera amor, não há quem impeça
que nasçam as flores — campos são bordéis.
de cópulas; de loucos decibéis
dos grilos e cigarras— não há pressa...
 
O universo — que é Deus —tudo estabelece.
E tudo que nos resta é só viver.
Ou simplesmente amar— eis nossa messe...
 
Por isso, venha amor, apresse os passos...
Ajoelhemos ao “olor nupcial” do ar
para pedir: se renove nossos laços...
 




( Imagem: google)
Soneto: do meu livro:


disponivel para venda em: 
http://www.clubedeautores.com.br/book/211289--SONETOS_PARA_UM_AMOR#.WCx559IrLhk


Sonia de Fátima Machado Silva
Enviado por Sonia de Fátima Machado Silva em 16/11/2016
Código do texto: T5825280
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Sonia de Fátima Machado Silva
Coromandel - Minas Gerais - Brasil, 56 anos
1254 textos (52388 leituras)
13 áudios (611 audições)
2 e-livros (128 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/19 10:21)
Sonia de Fátima Machado Silva

Site do Escritor