Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Robin Hood - resumo filosófico

Robin Hood - resumo filosófico

           O filme conta que antes de Robin Hood virar o famoso fora da lei da Inglaterra, ele foi um arqueiro do exército do famoso rei da Inglaterra: Ricardo Coração de Leão. Seu exército havia voltado de uma cruzada no oriente médio, e estava em guerra na França. Porém o rei morre numa batalha contra os franceses e Robin Hood volta com alguns amigos disfarçando-se de sir Robert, que vai entregar a coroa para a família do rei e noticiar sua morte. O interessante é que Robin Hood tem a opção de voltar sozinho para a Inglaterra, mas prefere ir com os amigos por que são perigosas as florestas. Típico da idade média: estradas perigosas, pessoas se concentrando em lugares murados e altamente fechados. Na idade média europeia eram os castelos, hoje são os condomínios fechados. E se na idade média europeia quem ditava as regras era a igreja, hoje que estamos caminhando para uma nova idade média, quem vai ditar as regras é a ciência.
             Mas voltando ao filme... Robin Hood dar de cara com uma emboscada que um traidor inglês preparou a mando do rei da França para matar o rei da Inglaterra, que já havia sido morto em batalha. O traidor foge para a Inglaterra e Robin Hood decide se disfarçar de sir Robert. A princípio ele não queria entregar a espada ao pai de Sir Robert (sir Robert fez esse último pedido a Robin). Porém, quando ele chega à Inglaterra ele decide entregar a espada e vai escoltado por seus poucos amigos. Na espada tem escrito: “Lutem e cada vez mais lutem até que os cordeiros virem leões”. Isso é simbólico e motiva Robin Hood a cumprir sua missão de entregar a espada. Ele então conhece o pai de sir Robert, mas antes ele tinha entregado a coroa do falecido rei Ricardo Coração de Leão... tinha entregado a coroa a mãe dele que proclama o irmão do falecido rei, como novo rei da Inglaterra. O pai de sir é cego, mas ver a nobreza de Robin Hood, que tem a nobreza de um coração de leão.
               Enquanto isso o traidor da Inglaterra é encarregado pelo novo rei a ir as cidades cobrar impostos e a cidade que não pagasse seria queimada. Isso foi um plano sujo do rei da França para criar uma guerra civil na Inglaterra. O leal general de Ricardo Coração de Leão fica sabendo do plano do traidor e consegue um jeito de informar o real a real cara do traidor. O rei, o general e Robin Hood se unem para convencer a nobreza da Inglaterra si unir contra a chegada dos franceses. O interessante é que o traidor recebe antes uma brigada de Franceses e em nome da Inglaterra e queima cidades que não pagam o imposto. Mais interessante ainda é o discurso que Robin Hood faz para convencer a nobreza e os cavaleiros da Inglaterra a lutar contra a chegada do inimigo, Robin Hood invoca um acordo oral para o rei da Inglaterra pedindo única e exclusivamente uma coisa: liberdade. E o rei aceita. Na antiguidade e isso pendurou até a idade média, a tradição oral era tão importante quanto à escrita, e um acordo oral antes da batalha tinha um valor de sangue e espírito e motiva os cavaleiros da Inglaterra. Então os ingleses vão até a praia dar “boas vindas” contra os franceses e o derrotam, com a morte do traidor pelas mãos de Robin Hood. O rei que havia firmado um acordo oral com os cavaleiros da Inglaterra, depois da vitória volta atrás e declara Robin Hood um fora da lei. Robin Hood então vai viver com a guerreira viúva de sir Robert na floresta, onde começa a lenda que conhecemos hoje, mas a história de Robin Hood começa muito antes de quando começa a lenda que conhecemos hoje. Finalizando faço a saudação dos legionários romanos: força e honra.

Autor: Victor da Silva Pinheiro

www.recantodasletras.com.br/autores/vspinheiro
www.vspinheiro7.blogspot.com
vspinheiro3@outlook.com
Victor Silva Pinheiro
Enviado por Victor Silva Pinheiro em 10/08/2017
Código do texto: T6079583
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Victor Silva Pinheiro
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 33 anos
56 textos (811 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 07:52)
Victor Silva Pinheiro