Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Vida

Um esperançoso estudante, e agora desiludido com minhas idéias, me pediu para ajudá-lo a escrever uma redação sobre a Vida.

A professora havia pedido e ele não tinha a mínima idéia do que escrever e veio se apoiar em mim.

Escapeletou-se !

Tirou 0, numa escala de 1 a 10.

Danou-se os dois: ele, por pensar que eu sabia escrever, e, eu , que pensava saber alguma coisa da vida. Ai vai a redação:

********

" A vida é feita de coisas boas e outras más. Mas é o mal e a dor que predominam. Subservientes do prazer pensam que a vida  é um lago dourado, mas né não!

A vida vai e vem.

Por exemplo, um amigo tinha uma namorada que era sua vida. E gostava muito dela. Demais. Mas era todo dia a mesma coisa. Um dia resolveu mudar. Ganhou um filho sem saber.

Ontem ela estava sem nada, hoje anunciava que ele ia ser pai . Mas ele não tinha condição de ser pai. Relação sexual é uma coisa, filho é outra. Mas as mulheres não entendem isso.

Mas não é que a coisa foi crescendo e crescendo e, quando viu, o amor deles havia se transformado numa semente que seria o filho deles.

Danou-se ! A vida dele  virou um inferno. Ela que disse que o adorava, passou a desadorar. Não olhava pra ele da mesma maneira. Uma zoada !

Pelos céus ! Ele  que tinha tanto amor por aquela beleza se transfomou, de repente, num jorro de desprezo.

E que me desculpe a minha querida professora . Foi esporro pra todo lado. A mãe dele passou a chamá-lo de cafajeste e disse  que não falava mais com ele, o pai, muito religioso, destes que acreditam piamente na Igreja, disse que Jesus ia  castigar.

Os pais dela, nem se fala: não podia nem mais passar na rua onde eles moram. Juraram que ele ia queimar no fogo do Inferno durante  toda a eternidade.

A vida virou dele virou um pandemônio. Os pais dela levaram o que antes era seu amor, prá operar numa cidade próxima. Perdeu os amigos, principalmente as amigas, que o evitaram, como se eu fosse o único reprodutor do mundo.

Tinha lá culpa que o amor faz coisas inacreditáveis !

Esta redação só vêm provar uma coisa: o que é hoje, não é amanhã.

Obs. Espero que a professora não considere esta redação como fato pessoal.  Foi inspirada num caso bastante real, de um amigo meu. Aconteceu de verdade. Procurei falar em sexo o mínimo possível, pois sei que nosso colégio é muito religioso.

Por isso eu acho que a vida é uma locupletação total: para conhecer a vida você têm que entrar dentro dela ( a vida).

E posso até provar: de minha parte jamais aconteceria, pois não sou muito chegado a mulher.  Já fui na parada gay duas vezes. E vocês sabem que aquele negócio funciona e é bom de verdade. Eu chego a encontrar minha Vida com aquele pessoal. Tem cada garotão !

É a Vida irmão, é  a Vida !  É mulher pra um lado e pau pro outro. Uma zorra ! "
******
Lá embaixo a professora ainda colocou uma observação: favor comparecer a sala da diretoria.

José Kappel
Enviado por José Kappel em 10/06/2007
Reeditado em 15/06/2007
Código do texto: T521237
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2350 textos (30859 leituras)
1 e-livros (149 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/19 06:15)
José Kappel

Site do Escritor