Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

REGISTROS E MOMENTOS

     Estamos sempre procurando registrar os nossos momentos. Criamos, com o objetivo de preservar tudo que temos do nosso próprio bem-querer.

     Os momentos são chegados, quando deixamos fluí-los, não como critério e sim esperança. Para cada momento, a certeza da aceitação do tudo que produzimos.

     Não podemos reter aquilo do fundo da alma, ela tem como cumprimento emitir ao coração, as reservas da nossa profunda sensibilidade.

     E em cada momento, a existência de nós mesmos, como um convite ou avaliação sobre o tudo, que somos e jamais aquilo, que gostariam que fossemos. Logo a autenticidade é uma virtude!

     Mas muito às escondidas vamos reservando, intimidando, armazenando as nossas "obras", ficando-as no silêncio dos seus arquivos e sem nenhum análise de um leitor, não técnico, seja ele qualquer um ou muito especial. A maioria escolhe, ela é o resultado de uma somatória de valores.

     A vida está à nossa inteira disposição; sempre é o momento para conciliar, relacionar, descobrir, aprender, historiar... É um processo de evolução, traz bagagem de aprimoramento e bem-estar, até no mais íntimo e pessoal.

     Antes que os ventos possam levar por meio da disseminação, a semente fértil da dignidade, respeito, afinidade e fidelidade, tentamos cultivar no plantio da esperança as nossas descobertas. Elas surgem calmamente com a essência do merecimento, até mesmo, naquilo que autopropomos: pureza, docilidade, meiguice, atenção, envolvimento, sinceridade, amor!

     Tentando adubar a nossa consciência, mesmo junto das dificuldades, comparando-as com as decepções pretéritas é que concluímos: AINDA É TEMPO DE SER FELIZ!

     Olhando bem para  a estigem dos nossos momentos, neles tristezas, recebemos como presente, antes que o verde volte aos campos, as árvores e os jardins floresçam... um renascer de nós mesmos. Pela forma da escrita, exteriorizamos esses anseios e ideais... completam com o que temos direcionado: O NASCER DE UM VERDADEIRO AMOR.

     Estaremos realizados, tentando transmitir esse potencial dentro de nós e tudo ficará mais belo. Repousando na relva florida da primavera, exposta à sutil natureza da alma, somente quando os "seres afins da reciprocidade" de um bem-querer e amor tomar como base a META DO RECONHECIMENTO. 

     Quem sabe, todo esse idealismo, almejo... estará pronto às FUTURAS GERAÇÕES, quando por toda parte deixamos as nossas criações e simples criatividades literárias. 

      Depois de tudo é que podemos estar aclamados por todos os REGISTROS  E MOMENTOS da nossa vida cotidiana.


                                

REDAÇÃO
FONTE: MOMENTOS BEM VIVIDOS
Autor do texto e das Imagens- Títulos: DEGRADÊ e DEGRAUS FLORIDOS
Prof. Roangas -Rodolfo Antonio de Gaspari-



     
roangas
Enviado por roangas em 25/11/2009
Reeditado em 25/11/2009
Código do texto: T1943620
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
roangas
Porto Ferreira - São Paulo - Brasil, 73 anos
319 textos (74488 leituras)
36 áudios (5966 audições)
8 e-livros (1406 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/09/21 17:27)
roangas

Site do Escritor