Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lasciate ogni speranza voi ch'entrate

Aqui chegamos ao portal do Inferno.
Entra. Cheia de círculos é nossa pousada
Assim escreveu o poeta. Esta placa?
Sim, a esperança. Nunca a tiveste?
Tanto melhor. Vamos aos quartos.
Sim, iguais aos teus na Terra. Vem à janela
Ali o carro estacionado, o muro com as cercas
Elétricas, é claro. Além deles a varanda da outra casa.
A vizinha que espia tua vergonha
Na noite solitária.
Tudo igual. Já o cantara Dante, mas não
O essencial.
Este resíduo de urina no azulejo.
Um pouco de flatulência
Os filmes infinitos que não consegues ver.
Oh, sim, e as lembranças. Todas elas
As piores, as que alimentaste.
As que se batem na parede
E deixam sua imagem. Podes tocar
Viscosas, não? É uma vantagem
Encontrar nossa tolice
Palpável e compressora, da mais pura
Crueldade que a matéria pode oferecer. Que qualidade!
Certamente estás gostando. Um pouco mais
E veremos os prédios cheios de gente
As avenidas e mais uma vez
Os carros, os carros e as infinitas manhãs de longo tédio.
No inferno o impossível a cada um


É a tarde doce do autoesquecimento.

Rodrigo C Pereira
Enviado por Rodrigo C Pereira em 18/08/2019
Reeditado em 18/08/2019
Código do texto: T6722864
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rodrigo C Pereira
São Luís - Maranhão - Brasil, 41 anos
33 textos (354 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/09/19 01:43)
Rodrigo C Pereira