Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

''Cinerário''

Salve , salve , poetas resistentes !
175 NVp
Poema é a concepção de um filho
até a hora do parto ...
      ''Cinerário''
''efêmero invólucro
nada vale !
nessa vida corrompida
o amor é filho prematuro
que precisa de cuidados !
parte , às vezes
inseguro
nessa ânsia incontida
o que sobra é sofrimento !
não me tenho e tudo passa ...
tênue sonho !
suave vento que soprou ...
sou refém de sentimentos
vivo aonde não há fadas
meu beijo é frio
sem sabor ...
inocente beija flor
na floresta encantada
que tão cedo encontrou
a falsa rosa , disfarçada
e seu veneno
ele provou ...
perdeu assim
sua beleza
sua leveza
seu valor !
com meus olhos , nada vejo
na paisagem não há cor !
e nesse rio de desejos
tudo é dor !
o caminho é escuro
e sem vida
me seguro
já não sei
se fico ou vou !
nessa breve e curta estrada
sou ovelha desgarrada
que caminha
sem pastor ...
no teu corpo indecente
eu me perco inutilmente
não disfarço
meu rancor ...
vou compondo a minha rima
e seguindo a minha dor !
pois sou bicho
da floresta
um inseto
sem suas pernas
sou um fogo , sem calor !
nessa triste aventura
é eterna a amargura
uma queda sem altura
um sofrer
um dissabor ...
e sozinho no caminho
junto as cinzas
desse amor !''
Ahnraffael
Açailândia MA






Ahnraffael
Enviado por Ahnraffael em 15/06/2020
Reeditado em 15/06/2020
Código do texto: T6978020
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Ahnraffael
Açailândia - Maranhão - Brasil
237 textos (3029 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/08/20 11:38)
Ahnraffael