Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VERSOLIVRANDO-ME - Luiz Poeta - Luiz Gilberto de Barros

VERSOLIVRANDO-ME - Luiz Poeta

Reflexões leminskyanas vangho-guiam-me
por dalínicos relógios derretidos...

Tolouseluminosamente nebuloso e trôpego
embeveço-me
- dramaticamente -
ante
PabloPicassísmicoapocalípticos
Guernicas...

Acho que bebi demais.
Abstrações cochilam...
Ideias espreguiçam ide-ais...
A tinta geometriza arco-íris...

Absorto, absurto-me absurdo.

Na página amorfa,
o cavalete ideológico abstrata-se
ao peso
... volátil
das tintas... poéticas.

Daqui...  Dali... de lá...Dalai... abstrato-me física
e...
... poeticamente.


Luiz Gilberto de Barros - às 12 h e 38 min do dia 19. 8. 2019.
...
LUIZ POETA
Enviado por LUIZ POETA em 19/08/2019
Código do texto: T6723947
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
LUIZ POETA
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 69 anos
70 textos (2021 leituras)
9 áudios (312 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/09/19 11:21)
LUIZ POETA