Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Saudades de Belo Horizonte

De uma janela lateral
Vi um belo horizonte
Que me ensinou o valor da amizade
De uma noite cantada
De um copo de cachaça

Na mesa dos botecos
Sorri e filosofei
Chorei e cantei
Em instantes esquecidos
Até adormeci e sonhei

De voltas e voltas
Por Savassis e Santas Terezas
Andei e degustei comidas de botecos
Gelei a goela nas cervejas que tomei

Amigos reunidos e vidas incendiadas
Pousava pra fotos sentado na calçada
Em noites de alegrias e aventuras
Baladas, churrascos ou bate papo
Simples
Ao som da noite
Murmúrio de mil pessoas

Tantos que foram
Encontros e desencontros
De bebidas, drogas e sinuca
Até o amanhecer

Muitas vezes nada disso
Só uma conversa ao pé do ouvido
E do que tudo isso
Nunca será esquecido
As amizades
Tantas e tão valiosas
Que guardarei pra sempre em minha memória
E no meu coração.


Sesamo
Enviado por Sesamo em 14/05/2020
Código do texto: T6947305
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Sesamo
Bragança Paulista - São Paulo - Brasil, 44 anos
31 textos (312 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/08/20 12:22)
Sesamo