Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Levantar âncora!
Içar velas!
Desfazer as amarras!

 
(aos enlutados)

O vento bateu no meu rosto
E expulsou a lágrima (insistente) que escorria
Então chegou a hora de recomeçar
Limpar os olhos vermelhos
Recolher os cacos
Juntar coragem
Seguir em frente
Retirar a placa de luto
E pedir a Deus
que venha junto.




Levantar âncora!

Içar velas!

Desfazer as amarras!


Deus a bordo!

(Resumindo:

Continuar tocando o barco, vida, pra frente).




Vamos navegar!!!

 
Romanos 8:35-39

Leia também: 
Âncoras

 
JESE FERREIRA poesias
Enviado por JESE FERREIRA poesias em 18/05/2020
Reeditado em 21/06/2020
Código do texto: T6951388
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
JESE FERREIRA poesias
Bebedouro - São Paulo - Brasil, 39 anos
195 textos (10069 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 14:43)
JESE FERREIRA poesias