Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O PERDÃO E O PUNHAL

Arranque este punhal e deixe
que cicatrize esta ferida.
Perdoe essa pessoa e esqueça 
essa ofensa cometida.
Pois, a ferida está em você…

Mágoa, ressentimento, injúria,
dívida e traição.
Culpa, promessas não cumpridas,
mentiras e ingratidão.

Golpes e apunhaladas pungentes que
ultrapassam o cérebro e o coração.
Dores lancinantes que podem chegar
até a alma e a razão.
Latejos insistentes que remoem e não acalmam
e deixam o espírito em perturbação.

Arranque este punhal e deixe
que cicatrize esta ferida.
Perdoe essa pessoa
(que pode ser você mesmo)
e esqueça essa ofensa cometida.
Pois, para essa sua dor,
aquela pessoa nem mesmo liga.
Você que continua a lamber esta ferida.

Mas para cicatrizar e a chaga sarar,
o punhal tem que se retirar.

Superficial, você mesmo tira

Golpes mais profundos,
só a mão de Deus que retira.

Peça hoje mesmo para Ele descer do céu
e conceder algo maior que você.
Arrancar esse punhal e curar essa dor
Então, poderá o perdão conceder…
e continuar a viver.









 


Nota: As ofensas que nos fazem seria como
se fosse uma punhalada. Dependendo do tipo
dessa ofensa, poderia ser um estilete,
um punhal ou até uma espada.
Quanto maior o tamanho da ofensa, mais profundo
entrará na carne e na alma.
Deus sabe do poder curativo e reconciliador do perdão,
e quem se beneficiaria somos nós mesmos.
Uma ofensa pequena é nossa obrigação perdoar.
Porém há ofensas que são muito maiores
(ex: adultério, estupro, um assassino etc.)
de nossas capacidades de perdoar.
Então precisaremos que Deus nos ajude.
Ajude-nos a arrancar a lança e a espada.

Publiquei estas poesias sobre o poder do perdão:


-O perdão e o punhal
-Ainda bem que existe o perdão
-A força do perdão
JESE FERREIRA poesias
Enviado por JESE FERREIRA poesias em 18/05/2019
Reeditado em 25/07/2019
Código do texto: T6650211
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autoria do poeta brasileiro cristão Jese Ferreira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JESE FERREIRA poesias
Bebedouro - São Paulo - Brasil, 38 anos
156 textos (5351 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/10/19 08:23)
JESE FERREIRA poesias