Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Ressurreição de Lázaro

A RESSURREIÇÃO DE LÁZARO

Andava Jesus  em terras de Pereia
Com seus discípulos  evangelizando,
Como havia anunciado na Galileia.
A muitos dias de jornada da Judeia
O reino de Deus ia sendo anunciando.
 
Tinha, então, Lázaro adoecido.
Marta e Maria  avisaram o Senhor,
Certo  por Jesus,  seria restabelecido.
Mas Jesus  não ficou surpreendido.
O Mestre podia de Lázaro ser o Salvador.
   
Continuando onde estava a ensinar,
Dizendo pois  que Lázaro dormia.
Depois iria seu amigo, então, visitar.
Para a Lázaro poder então despertar,
Afirmou que  logo para a Judeia seguiria.
 
Mas Senhor  se ele dorme  está curado,
Julgando eles  que  se referia a repousar,
Mas Jesus referia-se  a ter-se finado
Que a morte  para ele tinha chegado,
Que sua vida acabava de terminar.
 
Folgo  por eu não ter lá estado.
Tomé, então, o advertiu do perigo,
Pois pelos judeus  fora rejeitado.
Morreremos com o Mestre amado,
Mas nós  iremos também contigo.
 
Chegando Jesus, Marta  vendo o Senhor
Lembrou “Se aqui estiveras, ele não morreria”.
Jesus  respondeu então com amor:
“Eu sei, será no dia final  de esplendor.
Eu disse teu irmão nesse dia ressuscitaria.”
   
Eu sei. Se quisesses, o podias salvar.
É certo que Deus  tudo te concederá
Marta,  teu irmão há de ressuscitar!
Sim, quem crer em Mim, à vida vai voltar,
Sei que Lázaro no último dia despertará.
   
Não ficando Betânia distante de Jerusalém,
Muitos judeus tinham-se ali deslocado.
Jesus e os discípulos chegaram também
Vamo-nos pois encontrar com Ele além
Marta chamando a Maria: O Mestre é chegado!
   
Jesus disse: Eu Sou  a ressurreição e a vida,
Quem crê em mim, mesmo morto, viverá,
Eu creio nessa linda promessa da vida
Pois sou de Deus  uma alma escolhida,
Por isso eu sei que a morte não nos deterá.
 
Jesus, vendo que Maria tanto chorava,
E também os judeus estavam chorando,
Jesus entristeceu-se por Lázaro que amava
Vendo a pedra pesada  que o sepulcro tapava,
Da entrada foi-se então aproximando.
   
Removeram-na  tal como ele ordenava,
Mas Senhor dizia Maria,  já deve cheirar  mal.
Jesus, olhando o céu ao Pai suplicava
Jesus, em voz forte, a Lázaro ordenava
Para se levantar  neste momento especial.
     
Lázaro, vem! Podes sair para fora.
E este, com as mãos e pés atados,
Era Lázaro  que ressuscitou na hora
Ressuscitado por Jesus em glória,
Foram-lhe as mãos e os pés desligados.

J. Rodrigues (Galeano)

 
Galeano
Enviado por Galeano em 02/04/2019
Código do texto: T6613782
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Galeano
Portugal, 83 anos
683 textos (112481 leituras)
14 áudios (2011 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/19 17:22)
Galeano