Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


CAÇADOR DE INSPIRAÇÕES
 
As pessoas devem pensar...
Como será que a ideia de um poeta surge?
A inspiração ele tem que caçar?
Ou ela vem quando a gente menos se quer está a esperar?
 
Um poeta não precisa caçar rimas 
Como caçar borboletas,
Elas surgem no seu jardim
E curtem o perfume do ambiente criativo
 
Se o poeta caçasse as inspirações 
Elas iriam fugir 
Assim como caçar borboletas,
Se tentar se aproximar elas voam distantemente
 
Por isso o poeta prepara suas flores na mente
Para que as inspirações, quando vierem, 
Queiram ficar,
Sentir o perfume da escrita 
Sentir a textura da imaginação 
Sentir a criatividade transbordar 
Usando a mente junto com o coração.

 
Júlia de Rossi – 13 anos
Enviado por Ilda Maria Costa Brasil em 13/07/2019
Código do texto: T6694804
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Ilda Maria Costa Brasil
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
1970 textos (107319 leituras)
6 e-livros (1138 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/19 17:12)
Ilda Maria Costa Brasil

Site do Escritor