Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma Breve História de Amor e Cimento - parte 2

Se lembrem da história do asfalto e da flor
Ela sabia que nascer ali traria dor, mas nasceu assim mesmo
De qualquer jeito
Mas por graça ou respeito
Se lembrou de acabar
Pro asfalto
Era difícil aceitar
A partida da flor
No começo vivia a reclamar
"Sou sujo, duro e feio
Em mim, nada há de brotar"
Mas aí veio a flor
E brotou
E gostou
E gostaram
E foi assim, gostando
Que ele tratou de ajudar
A acabar
Para a flor, o final não foi feliz
Para o asfalto também não
Pois agora, ele abraça o mundo todo
E nunca encontra uma flor
E se encontra
Trata de ajudar
A acabar

Essa é a história de como virei asfalto.
MIHELL
Enviado por MIHELL em 30/10/2019
Reeditado em 05/12/2019
Código do texto: T6783172
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
MIHELL
Ourinhos - São Paulo - Brasil, 27 anos
29 textos (402 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/19 15:54)
MIHELL