Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um dia...

...de  brilho  revestiu  os olhos,
E a vida  se encheu de poesia;
Tinha o  sabor até sem molho,
E pulsava  coração em alegria.

O tempo parecia  infinito, único,
Porém, os ventos fortes vieram;
E  levaram o  momento mágico,
Risos em prantos, converteram.

E o tempo se arrastou em horas,
A poesia  insistindo em sorrisos;
E a  tristeza  aloja a  alma agora,
Silêncio, indiferença não preciso...

Eis o que essa vida oferta; palavra,
É saudade  que  a boca ainda fala;
Santo amor que nesse peito crava,
Não morre; e cada verso o embala.
Meri Viero
Enviado por Meri Viero em 08/11/2018
Código do texto: T6497667
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Meri Viero
Guarapuava - Paraná - Brasil
1377 textos (42704 leituras)
2 áudios (111 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/11/19 07:32)
Meri Viero