Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Boas Lembranças

De José Borges/

Às vezes sinto que a vida
Está contra mim e que de
Alguma forma tenta-me
Ferir

Às vezes acordo abatido
Como se à tristeza dominasse
Todo meu ser.

Como se apequenasse minha
Alma só para mostrar como
Sou pequeno diante do mundo

Nos meus delírios desmedidos
Eleva á temperatura do coração
Deixando exposto o buraco vazio
Na alma

Longe de você sinto-me frágil
Mergulho de cabeça no marasmo
Fico olhando para o infinito como
Se ele tivesse o dom de me salvar

Sem você ao meu lado
não tenho um lugar para
Abrigar-me não tenho
sonhos à realizar.

Tudo que tenho são lembranças
Boas lembranças...!Mas prefiro
Regar de esperança!

Meus novos sonhos para que
Eles não sequem deste mal!!!

Autoria:Jose Borges da Silva Filho
Poetahdasletras
24/02/2014
Poetahdasletras
Enviado por Poetahdasletras em 25/02/2014
Código do texto: T4706163
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Poetahdasletras
São Paulo - São Paulo - Brasil, 60 anos
1902 textos (30705 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/01/20 03:15)
Poetahdasletras