Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quando o vento te soprar

Sou como o vento, em uma moto correndo pela planície na velocidade de um pensamento. Desmancho teus cabelos, roubo teu perfume e vou embora sem tu saber para onde fui. Em minha moto tu só me ouves passar, sem ter destino eu sigo em frente, mas levo um cacho do teu cabelo e uma lembrança do teu sorriso. Queria parar, estacionar, ter um lugar para retornar, um lar. Mas a vida me faz assim, sem rotas, rotinas, sem paradeiro e sem um amor para sonhar. Somente lembranças das conquistas diárias, de uma vida solitária e das paixões derradeiras.
Abra sua janela, suspire bem fundo, sou como o vento, nunca saberás quando e onde vou soprar, mas sempre retorno para teus cabelos desmanchar, teu suspiro cativar e uma lembrança de ti levar
Paulo Acácio Ferreira
Enviado por Paulo Acácio Ferreira em 25/05/2020
Reeditado em 25/05/2020
Código do texto: T6958209
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Paulo Acácio Ferreira
Campinas - São Paulo - Brasil, 45 anos
366 textos (10567 leituras)
23 áudios (936 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/04/21 14:57)
Paulo Acácio Ferreira