Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O amor não tem subterfúgios
Muito menos requintes precisos
Sempre chega de mansinho
Flechando o coração com carinho.

O amor nasce calmo e suavemente
Penetrando todas as veias do corpo
Faz correr o sangue da vida no querer
Para ficar juntos por muitos instantes.

O amor é simplesmente amar
Alguém que nos faz ser seu bem-amado
Tornando-se em tudo a nossa alma gêmea
Por toda vida que juntos pactuarem.

Direitos reservados Liège Vaz
Lei N° 9.610/98
Imagem do Google
Liège Vaz
Enviado por Liège Vaz em 03/11/2019
Código do texto: T6786506
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Liège Vaz
Olinda - Pernambuco - Brasil
187 textos (900 leituras)
5 e-livros (213 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/08/20 03:15)
Liège Vaz