Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pobre de ti

 Foi uma bela manhã de um dia qualquer
 Abraçados, entrelaçados, como dois apaixonados

 Juras de amor soltar no ar
 Sincronia nos beijos

 Uma bela manhã, perfeita
 Mas quando a tarde vem

 Leva consigo todo...
 Tudo, que restou

 Vazio, complexo e sem nexo
  Na casa da outra, lá estava
 
   Pela milésima vez, seu coração...
   Desfez.

  Pobre de ti, que sempre é assim
   No final do dia, saberá

   Pois quando aperta o peito
   Sem jeito, chega a te procurar
Nunu Costa
Enviado por Nunu Costa em 10/10/2019
Código do texto: T6765622
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nunu Costa
Ribeirão das Neves - Minas Gerais - Brasil, 17 anos
45 textos (740 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/19 01:13)
Nunu Costa