Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Tempestade

O sentimento expresso no seu recado é forte,
tanto quanto o que sinto nos nossos abraços...
O tempo e a ausência reduziram o fogo da paixão,
porém, não tiveram força suficiente para destruí-lo.

És minha terna verdade. És, quem me trouxe
ao longo destes anos, amor, respeito e cumplicidade.
Nesse espaço rimos, brincamos, ruborizamos,
quando a regra era dizer não... Não, não era exceção.

Sabes, como quero ver luz na escuridão,
não perderei tempo com perguntas,
pois você é a resposta e agradeço a Deus,
pela chuva de bênçãos que recebo.

Quero você no meu colo, seus dengos...
És o meu pretérito perfeito,
o presente que eternizo,
a canção que me embala.

Não se pode ter tudo que se quer,
por isso me apresso a saborear
as tuas boas intenções, o teu carinho,
porque é com esse mesmo propósito

que eu vivencio o que há de melhor em nós:
o respeito, a confiança e o sentimento afim.
Somos recíprocos no olhar que fala
e no olhar que nos deixa à vontade.
 
Eligio Moura
Enviado por Eligio Moura em 28/05/2019
Código do texto: T6658821
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eligio Moura
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1352 textos (31100 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/11/19 19:56)
Eligio Moura