Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Ave noturna

Como é bom receber teu desejo;
vivo ansioso por teu carinho!
Sinto longe a chama desse ensejo.
Bela e amada tu és meu caminho....

Poucas vezes amei assim quem me ama.
És a companheira doce, esposa,
que ao se consumir em minha chama
me envolve e queima qual mariposa.

Eu pressinto que ninguém me completa
como só teu lindo amor faz em mim...
Vens a mim cheia de doces, repleta...

Os beijos, que não são poucos, marotos,
marcam como somos, amamos e porquê...
Vivemos assim: um do amor do outro...
Eligio Moura
Enviado por Eligio Moura em 27/05/2019
Código do texto: T6658143
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eligio Moura
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1346 textos (30968 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/11/19 11:58)
Eligio Moura