Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poesia 971

Eu não sou bom nem mal
sou necessário

necessário a sua dor
a sua decisão mais difícil
o amigo das horas erradas
o adversário
o amor

sou o sim no momento do não
o diálogo com o diabo
o prazer proibido na cama

O gozo
contido
vivido
sentido

sou como um relógio que parou
em 1977
quando o comércio fechava para o almoço

sou a puta que deseja casar
o cliente que deseja amar
a flor que ama seu estrupador

me beija
beija-flor
Gustavo Miranda
Enviado por Gustavo Miranda em 17/05/2019
Reeditado em 25/09/2019
Código do texto: T6649447
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Gustavo Miranda
Recife - Pernambuco - Brasil
1025 textos (24246 leituras)
8 áudios (334 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/08/20 19:16)
Gustavo Miranda

Site do Escritor