Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto Bandido

Que fazes para mim... Com tanta candura
Com a aura iluminada de um querubim
Lumias o meu céu com asas de cetim
E voa feliz...com a alma a meia altura

E sim... eu me entrego a este amor loucura
Que invade m'alma travessa de arlequim
Na aurora deste sentimento que no fim
Faz-me voar, minha prenda, linda e pura

Ah, delicias de gozos! Eternos... vorazes
Ilumina a cópula com raios de luz
Cortado por longos gemidos e frases

Ah, Horas dos amantes que tanto seduz.
E que se imortaliza no jogo que fazes
Bater...beijar. Faz-me um Judas...pregado na cruz.

Queridos amigos e poetas com este soneto eu fiz um vídeo que postei no youtube fiz com mto carinho se puder faça-me uma visita vou ficar muito feliz,
http://www.youtube.com/user/processolento
alexandre montalvan
Enviado por alexandre montalvan em 15/05/2019
Reeditado em 17/05/2019
Código do texto: T6647731
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Áudio
Soneto Bandido - alexandre montalvan
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
alexandre montalvan
São Paulo - São Paulo - Brasil
646 textos (29457 leituras)
284 áudios (7809 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/10/19 09:06)
alexandre montalvan