Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Gata rosada

Você meu amor, é como uma gata selvagem
Aparece carente sem ninguém aparente
Rosronando em busca de conforto com muito amor para dar

Uma gata rosada, articulada, toda camuflada
Seduzir-me com seu charme feito mágica
Depois de conquistar, despojar do meu amor
Sou refém, sou seu novo alvo
Instinto felino, a seguir o seu destino

Minha gata, rosada, amada, perfumada
Entre, me dá o seu ar, vamos suar ao luar

Cantar a canção no calçadão
Fazer amor sem distinção
Amor gata rosada, vem cá na má intenção
Conquistar meu coração
Deixar plantado, esperando na solidão
Enquanto rodas em busca de diversão

Gata malhada,  malvada, sorrateira quero dizer
És minha gata rosada do amor mal criada
Pulas no meu telhado de zinco e foges afinco

Gata rosada, borralheira, sem dar bobeira,
me dizer a querer meu lar, meu ar
meu doce mel, meu céu azul
Vem minha gata rosada, sou gato negro,
no beco do eco miado, do negro amado

Sou negro gato, um ato do seu amor rosado
Fiel a teu desejo, minha gata, sou um reverso
da vida de solteiro, cair nas tuas garras inteiro
da gata, minha fiel amada rosada
Paulo Acácio Ferreira
Enviado por Paulo Acácio Ferreira em 17/05/2018
Reeditado em 20/06/2018
Código do texto: T6339108
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Paulo Acácio Ferreira
Campinas - São Paulo - Brasil, 45 anos
369 textos (10645 leituras)
23 áudios (936 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/05/21 01:56)
Paulo Acácio Ferreira