Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

pOEmA rOTo

É roto E ESFArrAPADO
no silencio que PREDOMINA
um POEMA UM POUCO TRESLOUCADO
ONDE UM COMEÇA O OUTRO TERMINA

NESTA sina SEM LÓGICA OU COERêNCIA
ESTA MALUQUICE me FASCINA
IGUALMENTE ao AMOR QUE SEMPRE dETERMINA
ESTES olhos que FITAM sem me tocar

COMOVIDOS laGOS de água PURA
COM sal e açúcar NA mistura
e nada MAIS importa
ou ENTÃO quem sabe me ESQUEÇA
se FITAM-ME dos pés a cABEÇA
porque SUAVE é no FUNDO
o meu POEMA, é apenas um SEGUNDO
de um SIMPLES engasGAR
alexandre montalvan
Enviado por alexandre montalvan em 07/10/2015
Código do texto: T5407601
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
alexandre montalvan
São Paulo - São Paulo - Brasil
690 textos (30538 leituras)
302 áudios (8343 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 14:27)
alexandre montalvan