Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



MARGARIDA AMARELA

 
Sou uma entre tantas margaridas amarelas.
Aquela que tu colheste dentre seus amores...
Pétalas amarelas assim tão singelas!
Nessa primavera que nos embala em teus olores;
e que agora pintas nestas tuas aquarelas
bordadas de versos e de teus fulgores...
 
Para ti sou flor, somente esta margarida...
Essas pétalas amarelas tão regulares!
Cheia de convenções nessa realidade perdida,
mas pulsando em quimeras tão singulares!
E que agora por ti, inteiramente florida,
vive dos sonhos desses teus amares...
 
platônicos, bem sei... mas não importa...
O que importa é esta primavera que nos embala;
a brisa, o vento que nos abre uma porta
com a ternura duma flor, do poema que nos fala;
ou com a força dum raio de fogo que corta...
Tempestade de amor que em nada se iguala...
 
 
 

 

( Imagem: google)
Sonia de Fátima Machado Silva
Enviado por Sonia de Fátima Machado Silva em 11/10/2014
Código do texto: T4995000
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Sonia de Fátima Machado Silva
Coromandel - Minas Gerais - Brasil, 57 anos
1341 textos (58459 leituras)
13 áudios (692 audições)
2 e-livros (150 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/05/21 08:04)
Sonia de Fátima Machado Silva