Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

vIRGENS.

Cristais acesos
Lascivos contornados
Se negam e Se chamam
Na indecisão de ansiar paixão

Celestes amores que vem e se entregam
Negando passagem ao por-do-sol
Negam em contradição sensata
Amaciarem-se de carne em fibras
E se perderem por razão
O lume lhes falha
O crepúsculo lhes falta
O amor lhe atira flechas

Pois a estrela se é breo
E negra se fecha
Negando ceder amor
Mansa, calma
Celeste e escondida

Mais no roubo foge
Perdida, pelo céu escuro
Virgens mais sinceras
a deriva a receios
a sensuaais sabores
Que sempre se anseiam





Á alma é barata
Enviado por Á alma é barata em 07/03/2012
Código do texto: T3541024

Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Á alma é barata
Suzano - São Paulo - Brasil, 33 anos
162 textos (4857 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/11/19 09:52)
Á alma é barata