Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

GENTE QUE EU AMO - Luiz Poeta Luiz Gilberto de Barros Rio de Janeiro Brasil

GENTE QUE EU Amo - Luiz Poeta - Luiz Gilberto de Barros Rio de Janeiro Brasil

Essa gente que eu amo
é um pedaço do que eu sinto,
que nem sempre vem, se chamo
nem reclama, quando eu minto.

Afinal, eu sou poeta
e poeta mente tanto,
que o sorriso que o completa,
se mistura com seu pranto.

Essa gente que eu adoro,
não tem raça, credo ou cor,
chora comigo, se eu choro,
me faz rir, se sinto dor.

É uma gente solidária,
necessária e tão igual,
que quando está solitária
como eu, dispensa o mal

... e se ocupa em sorrir,
com a melhor felicidade,
deixando o choro fugir
pra bem longe da saudade.

E essa gente tão bonita,
tão feliz e verdadeira,
faz a vida ser bonita
e feliz a vida inteira.

Essa gente tão amada,
tão amiga e tão feliz,
que é por Deus  abençoada,
faz de mim seu aprendiz.

E cada vez que eu abraço
a bênção que é essa gente,
meu verso ganha compasso,
e o amor se faz presente.

Oh, meu Deus, que me abençoa, abençoa essa gente,
porque se essa gente
voa,
vem pousar dentro da gente.


- às 15h e 18min do dia 16 de dezembro de 2018 - Bodas de Ouro de Fred e Dalva Frahlich - Casa das Beiras - RJ.
LUIZ POETA
Enviado por LUIZ POETA em 04/09/2019
Código do texto: T6737035
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
LUIZ POETA
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 69 anos
81 textos (2080 leituras)
9 áudios (313 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/19 23:43)
LUIZ POETA