Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Rituais de passagem

Puseste-me á prova
Com um pouco de ironia
E um meio sorriso
Olhei para Ti
E nem hesitei:
Quis ficar contigo

Cercaste a tua casa
Com todo o arame
E todas as câmaras
Que encontraste no mercado
E eu
Por causa disso
Fiquei todo esfarrapado
Mas consegui ser invisível
E quando deste por ela
Estava ao teu lado

Partiste
Sem dizer nada
Para longe
Tão longe que eu não te poderia alcançar
Mas dai a mil anos
Regressaste
E
Claro
Eu fiquei
Eu estava
O teu rosto iluminou-se
Com um sorriso inteiro
Porque não sabias que eu era a única e a última pessoa que por ti iria esperar

E afinal
Ao fim de tantas passagens
Acabaste por passar como um rio
E eu pensei que podia passar sem Ti
Porque te julgava
Apenas água
Apenas mais uma paragem
Ao longo
Da minha longa viagem
Mas não
Eras a Tal
Que depois de tantos rios
Tantas pontes atravessadas
Eras a tal
Que não estavas de passagem
Eras a tal
Que iria sempre encontrar
Eras a tal
És
E serás
O meu destino final
Miguel Patrício Gomes
Enviado por Miguel Patrício Gomes em 22/08/2019
Código do texto: T6726145
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Patrício Gomes
Portugal
5365 textos (182502 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/09/19 10:10)
Miguel Patrício Gomes