Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VENTOS

   Ventos que sibilam à luz do dia
   No ouro deserto dos girassóis
   Embalando a inerme roseira guia
   Dos cânticos suaves dos rouxinóis.

   Ventos que percorrem bosques sombrios
   Onde as pungentes pedras cintilam,
   Quando do sol despontam vestígios
   Que o farfalhar das árvores incentivam.

   Ventos que tocam na folhagem da fantasia
   Refrescando o campo branco de lírios
   No instante milagroso de uma poesia
   Inspirada em contemplação e delírios.

   Ventos que arrancam a folha amarela
   Levando-a em frenético assoviar
   Em festejo de luzes e não flagela
   Deixando-a em águas mansas a flutuar.
Verdana Verdannis
Enviado por Verdana Verdannis em 13/08/2019
Reeditado em 13/08/2019
Código do texto: T6719457
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Verdana Verdannis
Fortaleza - Ceará - Brasil
238 textos (23267 leituras)
55 áudios (2843 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/19 08:38)
Verdana Verdannis