Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FRONDEJANTE


No calor guajarino,
Sob a fronde da acácia,
Estou...
Quantas saudades, sinto!

Tarde ensolarada...
Setembro.
E o contraste dos cachos floridos
Harmonizando com o céu azul...

Setembro.
Lembro-me,
Nesse espaço frondejante,
Do teu rosto (di)amante...

A luz metafísica do rosto
Imanente na existência,
Na sombra da tua acácia
Visita minha consciência.

Li a poesia viva, escrita
Em teus olhos brilhantes.
No teu sorriso, teu rosto,
Estais em mim, cintilante
JONAS MATHEUS
Enviado por JONAS MATHEUS em 10/09/2018
Código do texto: T6444941
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
JONAS MATHEUS
Capanema - Pará - Brasil, 31 anos
166 textos (5558 leituras)
25 áudios (241 audições)
10 e-livros (316 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/07/20 20:43)
JONAS MATHEUS